Mãe hoje minha homenagem será um pouco diferente. Vai ter textão…

Falar de ti com palavras é bem difícil, pois ainda não consegui decifrar bem o teu jeito de amar, mas vamos lá.

Da minha infância as palavras que te resumem são: mãe protetora, briguenta, chata, exigente, hehehe, mas que nunca mediu esforços pelas filhas. Já quando me tornei adolescente a lembrança marcante é aquela: pede pro teu pai, vou contar pro teu pai guria…e quando adulta e mais madura pra entender o teu papel na minha vida percebi que esse era o teu jeito de amar, de proteger, de cuidar.

E quando me tornei mãe, ah daí entendi tudo!!

Mãe, hoje eu entendo que ser chata às vezes e brigar pra defender aquilo que achamos certo é amar. Ser exigente demais é querer proteger o filho dos erros, dos tombos que a vida dá. Entendi também que passar a decisão pro pai lá na nossa “aborrecência”, foi uma tentativa de dividir a responsabilidade da encrenca que as filhas estavam querendo ir. Enfim, só quem é mãe entende outra mãe.

Entendi que teu jeito de amar é só teu.

Entendi que quando tu se tornou mãe e tava aprendendo comigo veio a Taiana pra roubar meu lugar de atenção e fazer você se desdobrar em mil para dar conta e quando tava tudo se ajeitando veio a Juliana pra bagunçar tudo denovo…daí tu teve que  enfrentar todas as dificuldades para nos criar, para poder trabalhar  deixava uma em cada canto, aturou as três anjinhos brigando dia e noite, mas conseguiu junto com o pai fazer de nós pessoas do bem, honestas, trabalhadoras, e super mães!!

Hoje me vejo muito em ti, sou chata, briguenta, me desdobro pra cuidar, proteger e ensinar o Arthur.

Tu és uma pessoa que tem um coração enorme, que pensa em todo mundo antes de ti, que tira do corpo pra ajudar as pessoas, que ta sempre dando “pitaco” na vida das filhas, na educação dos netos (e ser mãe com açúcar é estragar os netos sempre que possível né). Enfim mãe, quero te agradecer pela vida que tive, por tudo que fizeste por nós filhas, pela dedicação e amor conosco até aqui.

Quero desejar que tenhas muita saúde, paz e alegrias junto a nós. Que Deus em sua infinita bondade te permita viver longos anos ao nosso lado, vendo teus netos (Arthur, Bernardo e Isabella) se tornarem grandes pessoas, com todos os valores que aprendemos contigo e estamos ensinando a eles.

Que tu possa olhar mais para ti para poder viver plenamente os dias que Deus te der.

Te amamos muito, abrigada por tudo!!

As Oliveiras (Tiana, Taiana e Juliana)

1 Comentário
  1. Que lindo @tianaoliveira!! As Mães sempre fazem o melhor por nós né!! Adorei o texto!!! Eu tb sou a mais velha de 3 irmãs hehe

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account