Você sabia que a maioria dos empregos no exterior são conseguidos através de indicação? E que aluguel na Irlanda é caro pra caramba?

Conversei sobre vida e turismo na Europa com uma amiga muito especial que conheci durante meu intercâmbio na Irlanda: Sabrina Frederich. A Sa morou 6 meses na Irlanda e dividiu com a gente a experiência dela, aprendizados e até umas histórias engraçadas (tem que ter né?). Alerta spoiler: O vídeo da entrevista tá no final do post!

Uma das coincidências da vida, foi conhecer a Sabrina pessoalmente só lá em Dublin. Nós moramos na mesma cidade no Brasil, mas foi através da agência de intercâmbio que trocamos contato. Isso é algo bem comum e facilita a vida de quem está indo se aventurar fora do Brasil pela primeira vez, pois é uma forma de encontrar companhia para os voos e os primeiros dias na futura terrinha.

E falando de futura terrinha, um dos maiores equívocos que a galera que está pesquisando lugares para fazer intercâmbio comete é se esquecer das cidades do interior. Confesso que enquanto fazia os orçamentos eu nem cogitava morar no interior, mas a verdade é que morar numa cidade menor te oferece diversas vantagens como o maior contato com os nativos (o que ajuda muito a praticar o idioma local), aluguéis mais baratos, casas maiores, menor concorrência profissional… Ixiiii podemos ficar aqui um tempão! Mas o importante é memorizar isso: Considere o interior. Se tiver a chance de morar em uma cidade no ladinho da capital melhor ainda! É pá pum e tá lá na cidade grande.

 

Claro que morar fora exige algumas coisas como visto, e para ganhar visto de estudante na Irlanda (e na maioria dos países) é preciso estar matriculado em um curso de duração mínima de 6 meses. Não é qualquer curso aceito, então é importante pesquisar bem os tipos de curso e as escolas licenciadas. No site da imigração do país-destino, você encontra as informações que você precisa sobre isso.

 

E trabalho?? Tem!! Uma das melhores formas de aprender uma nova língua e obter crescimento pessoal é trabalhando durante o intercâmbio. Sair da sala de aula e praticar o idioma no mundo real vai te ajudar a aprender mais rápido, mas não mais fácil. O aprendizado é na pressão, você tem que se comunicar para executar sua função então você vai dar um jeito de compreender e ser compreendido. Parece horrível, mas muitas pessoas que têm dificuldade na sala de aula conseguem através do trabalho romper com os medos, vergonhas e dificuldades. Então olhando pelo lado bom, é como ir para “escola” e ainda ganhar $ para aprender.

 

Óbvio que morar na Europa nos fornece experiências de viagens incríveis! E adivinha? A preço de banana! #saudades Os países são pequenininhos, então as viagens são curtas, o que deixa as passagens (BEM) mais baratas do que aqui no Brasil. Mas não é só isso não! Existem diversas atrações turísticas por toda a Europa que são gratuitas, sem falar nos pubs e night clubs! Entrada free é comum por lá. #saudades2

 

Ah, a gente também conversou sobre as amizades com estrangeiros, choque cultural e volta para casa. Mas vou deixar você ouvir a própria Sabrina falando disso no vídeo que gravamos. (clica aqui)

 

Era isso! Gostou?? Deixa seu like lá no vídeo. 🙂 Se tiver dúvidas é só comentar. Se preferir, manda mensagem lá no Facebook ou no Instagram. Os links estão aqui embaixo! ↓

Um beijo e até a próxima!

See ya! :*

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account