“Não é sobre ter todas as pessoas do mundo pra si, é sobre saber que em algum lugar alguém zela por ti…”.  Maravilhoso esse trecho da cancão “Trem – Bala da Ana Vilela”

Olá Bunitaaas! ?

Quem aí não tem alguém por quem zela heim?!
Todas nós temos né? alguém… uma pessoa que é o nosso porto seguro, a nossa base, o nosso refúgio, a nossa âncora!

E se essa pessoa for uma parte de você?! uma extensão da sua genética?! um ser humaninho gerado por ti, mas que não é de sua propriedade?! como diz a canção ali…”não é sobre ter as pessoas pra si…”
Isso mesmo, nossos filhos não são nossos, o que é nosso é o dever de prepará-los para seguirem além de nós, é desafiador isso gente! e exige tempo, exige coragem, exige maturidade, exige desapego e exige amor verdadeiro…?

Tá bom, eu seiii que  falar é fácil, fazer é que é o desafio, sei que não fomos criados com esse pensamento, que ninguém nos disse que temos que fazer diferente com nossos filhos, ninguém nos disse que temos que ser um divisor de águas, e que essa mudança na cultura depende de nós!
Crescemos com várias crenças limitantes, e está na hora de romper o cordão, quebrar o tabu…etc..pois o mundo exige de nós, mudança! de comportamento, de atitudes, de pensamentos.

Mas gente, não significa abandonar né!  largar no mundo e dizer “te vira”  muiiiiiiito pelo contrário, significa criar e manter laços mais fortes, laços de confiança , laços de amor verdadeiro que vai além da presença física, laços que devem ser desenvolvidos desde a infância, educando, cobrando e colocando limites, transmitindo confiança, encorajando,elogiando e corrigindo, ensinando com todo o amor e sempre, sempre falando a verdade. Seu filho merece ser desenvolvido, não prenda demais, não aprisione, converse, converse sempre que puder, mas cuidado para não somente cobrar, deve ter uma troca, aceite as opiniões, respeite seu filho e ele irá respeitá-lo, ouça seu filho, principalmente quando ele vier lhe procurar, porque ele vai lhe chamar, vai pedir colo, as vezes com outras palavras, entenda seu filho!

A necessidade faz a ocasião, e nesse mundão cheio de oportunidades de hoje, temos que dar asas aos nossos filhos, encorajá-los e ensinar o vôô ??

E como faz para que este momento de desprendimento não seja sofrido e dolorido? principalmente para nós, as mamães  porque nós ficamos aqui, eles vão voar, fazer descobertas,eles irão buscar novos caminhos, novos lugares, novas pessoas, novas experiências e nós continuamos aqui, e, agora, sem a presença deles…e os nossos filhos irão, além de nós, além do que podemos acompanhar “fisicamente” além do que até nós podemos imaginar..

CONFIANÇA, VERDADE, RESPEITO, RELACIONAMENTO, INTIMIDADE, ou seja, os LAÇOS…esles encurtarão a distância, esles falarão mais alto, esles ligarão nossos caminhos.

 Essa moça linnnnnnda aí da foto é a minha Dudinha  “fazendo #18 neste mês!  e ela está pronta para alçar seu vôo… e eu vou ficar aqui compartilhando com vocês que também são mães e estão desenvolvendo os laços..  

Te vejo aqui! Bjus

Shalom 

@jansegabinazzi

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2019 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account

Pular para a barra de ferramentas