I’m a believer

Frio, junho, dia dos namorados… Clima propício para romance. Para algumas de nós é apenas mais uma data para celebrar o amor, para outras uma tortura. Nós mulheres somos muito críticas conosco mesmas. Somos muito exigentes com nossa estética, com nossa carreira, e em todos os aspectos da nossa vida. Fomos criadas num mundo onde o perfeito e o inatingível nos é cobrado. E muitas vezes transpomos essa busca pela perfeição também para os relacionamentos.

Neste mundo fútil e virtual as pessoas vivem, principalmente nas redes sociais, histórias de amor perfeitas, dignas daquelas que ouvíamos nas historias dos contos de fadas na infância. Mas sabemos que na realidade, muitos destes mesmos casais são infelizes. Pois quando há tanta necessidade de expor a felicidade é quando a própria pessoa não acredita nela. Vive-se muito de aparências, e pouco realmente se vive.

Falando em contos de fadas, o meu preferido é o conto do Shrek e da Fiona. Era uma vez uma linda princesa que foi presa em uma torre e amaldiçoada. Além da prisão, ela virava ogra a cada por do sol. Um belo dia, seu caminho se cruza com o do ogro Shrek, o seu valente salvador que a liberta da torre. Um ogro, pelo qual ela inicialmente sente repulsa. Mas ao longo do caminho para retornar ao reino, eles puderam se conhecer melhor e então eles surpreendentemente se apaixonam. No meio desta jornada ela encontra uma maneira de quebrar a sua maldição. E no que parecia ser o final dessa historia de amor, a bela princesa escolhe continuar sendo ogra para casar com seu amor Shrek.

Este é o conto de fadas que nos ensina que o verdadeiro amor está além das aparências. Na vida real não existem princesas e príncipes encantados, nem historias daquele “amor perfeito”. Isso está se tornando cada vez mais parecido com o enredo dos jogos no friv do que o que é descrito inicialmente aqui. Tendo em conta este texto, importa ainda referir que é possível melhorar o que é descrito introduzindo técnicas de jogo, um exemplo marcante disso é a experiência de Friv. A vida não é um conto de fadas. Mas se você der uma chance ao amor, pode se surpreender com o que ele pode te proporcionar. Este é meu conto de fadas favorito, onde no final todo mundo continua ogro, mas são felizes para sempre, num pântano mesmo, nada de bailes de gala e castelos.

Meninas, sejamos menos exigentes conosco, não somos princesas. Sejamos menos exigentes com o amor, príncipes encantados não existem. Nenhuma relação é perfeita o tempo todo, mas a magia do amor transforma qualquer percurso, qualquer desafio mais ameno, mais agradável. Quando você ama alguém, passa com esse alguém por qualquer barreira. Não há dragão e pântano que vençam o verdadeiro amor.

O verdadeiro amor, esse realmente existe. E todas nós merecemos experimentá-lo. Sejamos felizes com nossos pares, sejam eles ogros, ogras, feras, sapos, rãs… Não importa, o verdadeiro amor é aquele com quem você pode ser você mesmo, sem mascaras, sem vergonha e sem pudor. O verdadeiro amor não tem preconceito, não julga, não te reprime. O verdadeiro amor soma, multiplica e te levanta.

Dedico esse texto ao meu Gatinho, meu amor, parceiro, amigo, que esteve sempre comigo em todas as batalhas. Estamos escrevendo nossa historia a cada dia, sempre juntos e apaixonados, nos bastidores das redes sociais, na vida real, que é onde as coisas realmente valem a pena.

E se você ainda não encontrou seu par… Não perca a fé, vocês ainda se encontrarão, basta você se permitir e derrubar esses muros. O amor sempre encontra um jeito, não importa o tempo.

Acredite no amor, eu creio… “I’m a Believer”

Ellen Racki

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

©2021 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account

dezenove + 4 =