Vamos começar nossas postagens informativas pelo mais básico e de fundamental importância, os banhos do seu pet (seja ele pequeno ou grande).

Todos sabemos que cães e gatos precisam ser mantidos limpos e higienizados. Isto mesmo, não é recomendado que mantenha-se um animal com banhos mensais, por exemplo. A falta de banho pode causar diversos problemas ao seu animalzinho, dentre eles os principais que são os problemas cutâneos (de pele).

 Sendo assim, logo nos vem a pergunta: Com que freqüência posso dar banho e tosar meu animal?

Certo, isso dependerá bastante da raça do seu pet, do local em que ele vive, dos problemas de pele… enfim, geralmente animais de companhia (aquele seu pet que mora dentro da sua casa ou no pátio mas que tenha um contato contigo quase que diário) o recomendado é de que seja banhado pelo menos uma vez por semana. Já animais que costumam ficar em pátio, no qual o contato com o seu dono não seja tão direto, o banho pode ser dado a cada 15 dias, se assim for da vontade do proprietário.

Já o banho para os animais atópicos (com problema de pele), o recomendado, que pode variar de acordo com o protocolo do médico veterinário, é de dois banhos semanais com shampoo apropriado.

O banho do seu gato pode ser dado em uma freqüência de 15 ou 30 dias, mantendo sempre a escovação dos pelos em caso de pelagem longa. Evite usar muito perfume, eles costumam não gostar e ao lambê-lo fora podem se prejudicar.

Outro banho importante e que vale ressaltar é o banho de filhotes, a maioria dos proprietários acha que não pode ser dado, lhes digo que sim, pode se dar o banho em filhotes. Porém deve-se ter em mente que filhotes podem ser molhados desde que sejam seguidos alguns cuidados especiais, o início do banho nessa fase é até indicado pelos especialistas, ou seja, podem ser levados ao pet shop, pois assim seu cãozinho se acostumará com o ato logo cedo, e não terá problemas quando for mais velho. Entretanto, isso deve ser feito com atenção redobrada, para não causar traumas. Nessa idade, a imunidade do seu filhote ainda é muito baixa e o contato com outros animais pode transferir determinadas doenças contra as quais não se tem resistência ainda, em caso de não vacinado. Por isso, é recomendado que leve o cachorrinho antes para o veterinário, pois o especialista poderá avaliar qual o momento certo para iniciar os banhos. Geralmente, na grande parte das raças, o banho em casa pode ser dado após as oito semanas de vida do animal e, se o veterinário permitir, o banho pode ser dado em pet shop na condição de o filhote ter o mínimo de contato possível com outros cães.

Costumo orientar no meu pet shop que seja dado o banho assistido, que é quando o proprietário traz seu filhote ao pet e espera enquanto o mesmo seja banhado, a fim de que logo após o banho o filhote já vá direto ao colo de seu dono, evitando gaiolas e contato direto com os demais cães.

Existe também o mito de que banho de mais prejudica a pelagem e pele do animal, porém hoje os produtos são elaborados especialmente para cada tipo de pelagem, pele ou problemas. Bem como já existe no mercado hidratações que além de manterem a pelagem bonita, ajudam a manter a hidratação da pele. Vale ressaltar que o banho não deve ser dado na intenção de tirar o cheiro característico do animal, mas sim melhorar sua higiene, então recomenda-se que seja feito sempre de forma, e, se possível, em local adequado e com produtos indicados.

Aqui na Emporium Pet Store, http://emporiumpetstore.com.br/, eu oriento que se cuide muito a temperatura da água, que ela seja sempre mais fria do que quente, e, principalmente, cuidar na hora da secagem, procuro estar sempre visualizando de perto os passos de dentro do banho e tosa para que nada saia fora do programado, afim de melhorar ainda mais a qualidade deste banho ou tosa para que o animal fique o mais bem higienizado possível. Se seu animal não for bem seco, poderá no futuro ter algum problema de pele em conseqüência de uma secagem mal feita.

Lembre-se, seus pets devem ser escovados diariamente para que sejam retiradas as células mortas e para que evitemos o cheiro forte do animal, bem como os nós que se formam nos pelos.

 

Esperamos ter lhes auxiliado um pouquinho mais com nossas informações de hoje, elas serão repetidas semanalmente todas as segundas feiras, assim, iniciaremos a semana sempre cheias de novidades, sobre nós e nossos amados pets.

Ana Carine Nemitz Pretto, Médica Veterinária.
Com auxílio de Claudine Cristine Bernardy, gerente da Emporium Pet Store.

1 Comentário
  1. Biscoito 3 meses atrás

    Excelente artigo!
    Muito bom!
    Continue assim!
    Parabéns!

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account