No caminho para o trabalho deixo minha mente me levar. Caminho a pé, sozinha, momento meu e de meus pensamentos. Vou prestando atenção nos detalhes, deixando aquela “voz interior” falar comigo.

Atravesso a passarela sobre o Arroio Cadena. Tristemente vou constatando a situação deprimente do Arroio. Sujeira, lixo, móveis descartados, sucata. E lá dentro a natureza teimosa que resiste, plantas e flores contrastam com a imundície. A natureza não desiste, persiste! Luta para sobreviver!

Quem coloca o lixo lá? Decepciono-me com a resposta.

Costumamos culpar aos outros pelas nossas próprias culpas. Quem coloca o lixo lá são seres humanos “comuns”.

Quando criança lembro das campanhas que fazíamos na escola pela limpeza do Cadena. Lembro de uma vez que os militares fizeram um mutirão de limpeza dentro do Arroio. Lembro de sentir uma esperança…

“Quando eu for adulta, e tiver meus filhos, o Cadena já será limpo, teremos um rio para brincar na  nossa rua”.

Eu cresci. Eu tenho filhos. E a situação do Cadena segue a mesma.

Entristeço. Me sinto impotente.

De repente olho para o lado. Flores plantadas. Flores que alguém plantou.

A Natureza teimosa não está sozinha. Não sou a única sonhadora da “vila”. Há mais sonhadores, há outras pessoas que resolveram fazer algo, para além de reclamar e culpabilizar.

Flores plantadas a margem do Arroio. Esperança plantada em meu coração.

Quem sabe um dia haja mudança. Mudança individual. Dentro de cada cidadão.

E aqui, estendo minha reflexão ao caos brasileiro que estamos vivendo. 

É preciso que cada um saiba que tem suas responsabilidades e que não vive só. Há coletividade. Há de se pensar no outro. Há de fazer o que está ao seu alcance.

A pergunta de hoje (e de amanhã, e depois de amanhã…) é:

O que EU posso fazer?

E quando tiver uma resposta, não hesite. Aja!

2 Comentários
  1. Camila Freitas 6 meses atrás

    Tão linda essa tua reflexão, as flores plantadas são um pequeno gesto, mas que já enche o nosso coração de esperança. Que a gente nunca esqueça que por menor que seja um gesto de amor pode alcançar muitos corações!
    Parabéns pelo texto Analéia, sou tua fã!

  2. janaina 5 meses atrás

    Muito boa tua reflexão, faz tempo que não entrava no blog e hoje entrei para olhar e vi a foto e me chamou a atenção, pois esse sábado plantamos mudas na beira do cadena dando continuidade a essa ação que uma vizinha começou e está se expandindo…tomara que mais vizinhos e pessoas próximas também tomem a atitude de continuar e ajudar a valorizar o que muitos destroem. Constantemente estamos cuidando perto da nossa casa e vimos vário vizinhos jogando lixo no cadena é muito triste ver como as pessoas são mal educadas até quando chamamos a atenção diante do ato.

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account