Depois de muitos anos de busca incessante, de tratamentos estéticos, cremes, maquiagens, técnicas diferentes, filtros e afins, eu descobri o segredo da beleza, e realmente é um segredo, escondido a sete chaves, e que ninguém vai te ensinar, ninguém vai saber onde tu pode encontrar, o segredo da beleza, é um só, ela vem de dentro, cada um tem a sua, e só se pode refletir por fora, aquilo que se trás de dentro. Quando se acha tudo aquilo de bom, tudo aquilo de lindo que se tem, a beleza aflora, resplandece, ela sai pelos poros, é algo natural, que não se força, acontece, e não se controla. Mas que ninguém pode despertar, apenas nós podemos encontrar ela, e só se encontra, quando aprendermos a nos amar, mas amar de verdade, nos por acima de tudo, quando aprendermos a não valorizar as opiniões alheias, fazermos aquilo que tem importância para nós, o que nos faz feliz. E isso não tem nada de egoísmo, porque amor próprio é o único caminho para se amar verdadeiramente os outros.

 

Eu continuo a mesma, a mesma pessoa, os mesmos traços, algumas roupas repetidas, as mesmas maquiagens, nada mudou, nada por fora! E o tempo todo as pessoas me falam: ‘Nossa, como tu está linda!’ E eu adoro, fico toda boba, e realmente me acho linda, agradeço e fico satisfeita em refletir isso, em saber que as pessoas enxergam o quanto estou bem. A minha ‘beleza’, ela vem de dentro. Tudo bem que minha medidas são outras, emagreci consideravelmente sim, e isso colaborou e muito nessa minha fase, mas foi a partir dessa valorização pessoal que resolvi me cuidar, me amar, e buscar por esses resultados, foi me amando, quando eu escolhi me cuidar, resolvi investir em mim, procurar em mim, eu vi o quando bonita eu sou, e quando eu me vi bonita, eu me achei bonita, eu refleti essa beleza, parei de descontar magoas e frustrações em comida, bebida, parei de reclamar, e comecei a agradecer. Eu escolhi ser eu mesma. Não existe nada fora do comum em mim, eu sou normal, real, tenho celulites, a pele tem dias que não está lá essas coisas, o cabelo as vezes resolve não colaborar, mas a energia comanda, e essa a gente escolhe, essa podemos modificar. O processo vem de dentro para fora, precisamos curar nossas feriadas, resolver nossos traumas, aceitar nossos defeitos, valorizar nossas qualidades, nos permitir não estar em um dia bom, mas também nos esforçar para o amanhã ser melhor.

 

Sabe aquele dia que tu está triste, está chateada, que nada serve, dia cinza? Sabem como é né? Já experimentaram tirar foto em um dia desses? Nenhuma presta! Ou pelo menos nós não gostamos. Nos olhamos no espelho, e não nos agradamos. Mas e por que? Porque nosso interno não está legal, e estamos refletindo isso… E não tem nada de errado nisso, acontece, temos esse direito, devemos nos permitir ter esses momentos, a vida não é fácil, e esses dias são interessantes, para valorizarmos os outros. Mas e quando nós temos uma vida cinza?! Quando somos infelizes, incompletas, insatisfeitas, não temos nada de bom por dentro, então como vamos mostrar algo de bom para o mundo? Minha vida era assim, e por mais que todo mundo tentasse me mostrar o quanto eu poderia ser bonita, o quanto minha vida era boa, eu não me sentia assim. E eu refletia, aquilo que eu enxergava. E não sei se por maturidade, Deus, não sei, é como se tivessem acionado um botão, e passássemos e nos ver diferente. É uma série de fatores envolvidos, e não tem uma receita, cada pessoa precisa encontrar a sua. Eu tinha milhões de questões mal resolvidas, comecei com terapia, que me fortaleceu, me mostrou o problema, então veio o blog, que fez com que eu colocasse para fora, e conseguisse ver de forma remota as feriadas que ainda não tinham curado, e então surgiu o perdão, eu me perdoei, comecei a me cuidar, passei a me amar, perdi meu medo de dirigir, me senti independente… Essa foi a minha receita, do meu bolo, mas talvez o teu não seja do mesmo sabor do meu, não se use os mesmo ingredientes, mas todos temos a nossa receita.

 

O segredo, é parar, respirar, permitir, aceitar, olhar para dentro, e ver o que te faz mal, o que te faz feliz, aquilo que toca o teu coração, o que precisa mudar, se conhecer, buscar a tua receita. Cada pessoa tem seu tempo, cada um tem seu botão, só não se pode esperar que ele aconteça, precisamos fazer acontecer, buscar ser cada vez melhor, chega um momento, que as coisas se encaixam, e o desespero passa, tudo aquilo que te incomoda, vira tão irrelevante, a vida é tão boa. Mas sempre será uma batalha de nossa, com nós mesmos, um busca dentro dos nossos sentimentos, e que o mundo nada vai poder contribuir, se nós não desejarmos. Se ame, se permita ser amado, e no fim de tudo, a solução sempre vai ser o amor, o amor mais incrível de todos, o amor próprio.

 

Ame-se!

 

Bom pessoal, fico por aqui, busque sua satisfação, seja a sua satisfação… Até semana que vem, vou escrever um texto sobre uma atividade, linda, e divertida, a zumba! Beijos e até quinta!

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account