Parindo o meu eu! – BLOG DE TODAS

Hoje 18 de dezembro um dia muito especial , comemoro hoje o dia da Doula. Sou fisioterapeuta por formação e descobri na faculdade em especial na maternidade o amor pelo nascimento. Não pensava muito sobre a via de parto , acompanhava vidas que chegavam e estas iam me guiando para que eu pudesse contribuir de que forma eu poderia auxiliar cada mulher. E o ano passou e o amor aumentou , meu tcc foi sobre o uso da bola do nascimento no trabalho de parto e logo veio minha formatura colocando por fim minha história dentro da Casa de Saúde. Sim , eu comecei lá e tive tantas mestras , médicos excelentes , enfermeiras as quais eu tenho uma saudade até hoje em especial Enf. Marli e tantos outros profissionais queridos que me ensinaram o amor pelo parto. E como amei!!!!! Foi tanto amor que decidi ter um local  , foram anos difíceis , vários nãos e poucos siM mas eu persisti. Até que um dia pessoas , melhor anjos cruzaram o meu caminho e perceberam aquilo que com muito amor eu fazia. Não tinha hora, não tinha final de semana , não tinha festa nem viagem tinha muito trabalho.

A estrada sempre foi esburacada mas a gente sempre dava um jeitinho de fazer o melhor, e aí as coisas fluíram e deslancharam. Se você me perguntar se foi fácil , não , não foi. Se me perguntar se foi difícil, não , não foi. Semelhança nas respostas , Sim, sim muito amor em cada acompanhamento. Me redescobrindo e descobrindo a natureza poderosa de cada mulher, Sim é a natureza. Todas temos!

E foi assim sempre naturalmente cheia de amor essa minha estrada e será sempre junto com vocês , SEMPRE!

E assim eu surgi.

Com amor meu muito Obrigada!

Parto reparto

Deu vontade de reviver teu parto

Então reparto essa loucura

Como pode tanta dor dar saudade?

A vida que invade dessa dor me cura

O calor que sua

O frio na espinha

Minha vida agora é tua

Tua vida já não será minha

Abro, me abro

Me parto em duas

E são tantas vidas

Nesse quarto, nuas

Encontro e despedida

Dia de Sol, dia de Lua

Grito, empurro

Já não cabes mais em mim

Te chamo  num sussuro

Nosso parto está no fim

Parto, reparto

Eu já deixo você vir

Choro, te imploro

A tua vida parir

Te amei nesse segundo

O primeiro nesse mundo…

De pranto em riso

Teu corpo liso

Meu maior encanto

O teu parto

No meu quarto

Te agradeço tanto!

Num abraço, num instante

Eu filha, eu mãe

Mulher partida

Me refaço, delirante

Eu mãe, eu filha

Mulher parida

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account