Quantas dúvidas surgem na sua mente toda vez que pensa para onde deve seguir na sua carreira?

Quantas vezes já viu muita gente à sua volta, ou até mesmo já aconteceu com você, com cursos técnicos e superiores em uma área que não gosta, não se sente confiante e não quer atuar?

Comigo já aconteceu várias vezes… Me formei em comunicação social, relações públicas, que amava muito, e só atuei por 3 anos. Depois, trabalhei com eventos. Depois ainda, fiz MBA em gestão de negócios e não tinha empresa naquela época, então, não consegui colocar em prática todo o conhecimento adquirido. Ainda fiz o TTI e fui corretora de imóveis por 7 anos, algo que me entusiasmava muito e que adorava fazer. Foi quando conheci o Coaching e tudo mudou de perspectiva. Me encontrei e me apaixonei por ajudar genuinamente as outras pessoas. Abri minha empresa, comecei a construir meu sonho (ainda estou colocando cada tijolo) e parti com a cara e a coragem, rumo ao desconhecido que me desafiava.

O que quero dizer com isso? Que se você tem um sonho de trabalho, um talento especial, ou simplesmente uma grande admiração por uma profissão e vontade de viver tudo o que há nela, avance nessa direção!

Provavelmente, vai ser bem fácil e rápido de chegar ao seu sucesso. Só que não. Lamento dizer. Mas eu nem gostaria que isso fosse verdade. Porque, então, você não daria todo o valor que vai dar quando chegar lá.

A batalha é diária. É externa, quando ninguém acredita em você, além de si mesma. É interna, quando até mesmo você duvida de si, colocando em xeque tudo aquilo que acredita!

Ser uma mulher empreendedora, ainda mais quando é mãe, é para as fortes. As fortes de fé, alma e coração!

Ser uma mulher realizada e dona do seu destino, independentemente da área ou profissão que atua, mesmo se a sua escolha for ser a dona do seu lar, rainha dos seus filhos, são sonhos colocados em prática! São sonhos vivos realizados! São os seus sonhos!

Quantas mulheres sonham simplesmente em ser mãe e não alcançam? Quantas mulheres são tudo isso junto e dão show de bola em tudo o que fazem?

O que você tem escolhido fazer com a sua vida? O que tem feito para isso acontecer? De que forma prática tem realizado o que deseja? Como você pode começar? Quem pode lhe ajudar no início? Mesmo com poucos recursos, o que você tem de melhor para oferecer?

Esses questionamentos, eu sugiro que você pegue um papel e caneta, sente-se com calma, lhe dê alguns minutinhos e responda. Vai valer a pena, pois você talvez descubra o que está faltando para dar o próximo passo.

Ah, me conta depois. Quero muito saber o que descobriu… Estou curiosa mesmo sobre você!

Eu até que pensei em lhe dar algumas respostas, mas será que você gostaria disso? Será que seguiria algum “conselho”? Duvido muito. Ninguém segue, de verdade, outra voz que não seja a do seu próprio coração!

Beijos da Dani Limberger!

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2019 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account

Pular para a barra de ferramentas