No atual momento que estamos vivendo me questiono e quero fazer com que você, que está lendo meu texto, se questione também. Qual o país que eu quero.

Preços abusivos,impostos que não deveríamos pagar, dívidas que não fizemos, uns pagando contas, outros se beneficiando com isso, desonestidade que nos incomoda, promessas que jamais se cumpre, medo, revolta,pânico e a fraqueza de não sabermos o que fazer e como parar tudo isso.

Há exatos sete dias, uma categoria que faz a diferença em nosso país, afinal de contas eles são responsáveis por transportar tudo o que temos (comida, roupa, calçados, combustível), resolveu tomar ” nossas dores”, quando digo isso, não que esteja saindo em defesa, mas eles decidiram que do jeito que estava não dava para ficar,não tinha mais condições de continuarmos reféns de uma minoria que se beneficia com aquilo que eu me esforço para construir e ter diariamente.

Chegamos a um ponto em que nos unimos numa só corrente, um só pensamento, fazemos desse movimento a nossa ‘carta de alforria’, ou nos tornamos escravos para sempre.

Eu, mulher, cidadã brasileira, mãe, quero um futuro digno para o meu filho e o que vou fazer? Ficar assistindo matérias compradas em emissoras de televisão que denigrem a imagem do meu país,ou vou as ruas,me manifestar, “botar a boca no trombone” e dizer que também quero um país melhor…acomodar-se, calar-se e aceitar,ou encarar a situação de frente e lutar pelo que é nosso.

Vamos apoiar, parar de vez o país e mostrar quem realmente manda aqui. Eu amo viver aqui, acredito na riqueza que temos, no potencial que somos, mas acredito principalmente num povo que jamais vai desistir.

Enquanto a mídia nos mostra a inverdade, como a falta de remédios nos hospitais, ambulâncias paradas por falta de combustível, alimentos sendo super faturados pela escassez, eu me pergunto, que mesmo sem todo esse caos a saúde, a falta de medicamentos,ambulâncias que não andavam, isso tudo funcionava perfeitamente? Sabemos que não e agora querem que acreditemos que por conta de uma luta pacífica isso piorou ou deixou de existir.

As prateleiras dos supermercados ficarão vazias, trabalhadores não terão mais como ir trabalhar, sem combustível nos carros, nos ônibus,medicamentos faltarão, as escolas não atenderão suas crianças, teremos falta de água, mas mesmo desta forma não pereceremos. Lutaremos até o fim, pois cremos na vitória.

Esse é o momento, estamos em um processo de mudança, crescimento, termos esperança, o amanhã será melhor, para mim, para você, para seus filhos, netos, toda sua geração, um ano de eleições e consciência para que algo melhor nos aconteça. Unidos por um Brasil de ordem e progresso,pois a mudança começa em mim, em você, porque juntos somos fortes.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account