Uma corda no varal prestes a rebentar-se.

Prevê-se o que há de vir… roupas em queda no chão, algumas vão sujar, outras podem rasgar… até mesmo aquela que você demorou esfregando para ficar alva.

Há duas opções.

Remendar ou deixar rebentar.

Se nada for feito, certamente vai rebentar.

Para remendar não basta uma pessoa só. Ela vai ficar ali segurando por um tempo mas os braços vão cansar, e de nada terá adiantado o esforço, apenas retardará a queda das roupas.

Para remendar é preciso duas pessoas. Uma segura e a outra restaura os fios já rebentados. Pode-se alternar as tarefas e trocar de lugar tantas vezes quantas forem necessárias.

O remendo precisa ser forte. Pois a cerca já não é nova e tem “cicatrizes”. É preciso investimento de tempo, atenção, entrega, máximo esforço.

Se duas pessoas remendarem, a cerca não rebenta, as roupas não caem, não há prejuízo, apenas lucro.

Se nada for feito, a cerca rebentará e trará consequências. Uma vez totalmente rebentada, dificilmente haverá conserto.

 

Vale para cercas.

Vale para relacionamentos.

Vale para a vida.

1 Comentário
  1. Camila Freitas 5 meses atrás

    Aiiiii eu amei Analeia, tu escreve tão tão bem, eu amo te ler!
    Parabéns pelo texto, sobre a “vida”, ops, sobre a cerca 😉

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account