É sexta-feira, são 23:56h e há poucos minutos acabei meu banho. Não parei até agora! Meu cabelo estava oleoso, minhas unhas roídas e eu vestia a mesma roupa desde de manhã.

Uma pausa: sou mãe de duas crianças lindas e bem ativas (se é que você me entende… hehehe). Cuido dos meus filhos. Me dedico a eles e vivo o dia-a-dia da maternidade. A maternidade real, aquela, sabe? Que pouco se terceiriza, que não tem muito de conto de fada. Que tem choro, cansaço, birra, filho doente… Mãe preocupada, mãe estressada, mãe apaixonada. É com você que eu falo nesse texto. Com você que percebe que um banho, é muito mais do que um banho em determinados dias. Que um detalhe pode representar uma mãe melhor e uma mãe melhor, pode gerar filhos melhores. Sim, esse é um texto simples.

Poderíamos falar de coisas mais importantes, maiores? Poderíamos. Também poderíamos falar dos detalhes… Desses, que compõem o nosso dia-a-dia, a vida que escolhemos. Detalhes, sim, mas que fazem toda a diferença!

Se você vive numa rotina parecida… Continue nesse bate-papo! Se não for o caso, sem querer parecer ofensiva, nem perca seu precioso tempo. Desculpe o palavreado, mas é que você não entenderá bulhufas!

Esta sexta-feira é feriadão. Ontem foi 7 de setembro, quinta-feira. Hoje, passei o dia inteiro com meus dois filhos, marido e um monte de gente aqui em casa (que não fez feriadão) trabalhando… consertando uns problemas elétricos e de vazamento.

As crianças, talvez por toda a movimentação da casa, estavam mais agitadas do que de costume. Brigavam, brincavam, riam e choravam. Tudo, quase que ao mesmo tempo. E eu, quase surtei durante boa parte do tempo.

Falando em mim… Montei um quebra-cabeças com as crianças hoje à tarde. Quando digo: montei… Sim, eu, sozinha. Elas desistiram logo no início… Mas será possível para um adulto (do tipo: eu) desistir de montar um quebra-cabeças? Bom mesmo foi perceber, no fim de tudo, que faltavam 6 peças. Mesmo assim, fiz questão de fazer uma exposição do quebra-cabeças na mesa da sala… Está lá até agora… E estou começando a desconfiar que ninguém tenha notado!

Obs: isso não tem nada a ver com o texto, mas fazia muito tempo que não montava um e “precisava” contar pra alguém! Tipo: bater papo mesmo!!!

Resumindo… É sexta-feita, cabelo lavado e unhas feitas!

Por hora, vou parando por aqui…

Ah, não! Lembrei porquê comecei a escrever! Estou, um pouco digitando este texto, um pouco admirando minhas unhas feitas – que têm seu efeito misturado com o do meu cabelo lavado… Sério, me sinto até mais magra agora! Kkkk… Mas é verdade! Não sou manicure nem tenho interesse em promover qualquer tipo de propaganda de esmalte, mas esse lance de unhas pintadas parece mágico! Eu tenho uma teoria para isso:

Quando nos maquiamos, precisamos de um espelho para nos admirarmos. Assim também quando escolhemos uma roupa ou fazemos algum penteado.

Com as unhas, não. Elas estão ao alcance dos nossos olhos e, no meu caso, quando estão pintadas, bem diante dos meus olhos. Talvez o mesmo aconteça com sapatos…

É como uma âncora. Olho para as unhas feitas e penso: sou assim. Estou pronta. Estou preparada para tudo. Estou arrumada para a vida. Automaticamente, mudo a minha postura, dou uma ajeitadinha no cabelo, às vezes até me maquio… e tudo isso pra ficar em casa mesmo! Me sinto em pé, a postos!

Bom, agora acho que vou ficando por aqui…

Não sei se me fiz entender com esse texto, com esse lance das unhas e do cabelo oleoso, agora lavado. Talvez você me entenda…

O dia foi cansativo… Atendi todo mundo. O fim do dia pedia que eu atendesse a mim. Nem o marido está em casa hoje (está de plantão). As crianças descansando… Ninguém vai me ver agora. Ninguém nem saberia se tomei banho hoje ou não! Quanto mais, se fiz as unhas.

Mas quer saber? Não paro de olhar para elas. Isso me faz pensar que eu sou forte. Que, sim, eu consigo! Que passo o dia que for e ainda estou inteira. Que estou pronta! E ainda sobra um espacinho dentro de mim para escrever, para poder falar com você que pode não estar se achando tão pronta assim…

Tá… agora vou ficando por aqui…

Só, antes, uma dica:

Tome um belo banho e faça as unhas… ou não. Faça o que te faz sentir pronta! Estude, se capacite, fique mais tempo sozinha ou mais tempo com seus filhos. Seja uma mãe presente para eles, mas também para você. Faça o que te fará sentir bem… Nem que seja ir dormir com o cabelo oleoso. Mas preste atenção aos sinais… O que o fim do dia está esperando que você faça por você? Pera aí… e precisa ser só no fim do dia? Bom… esta já é uma outra dica, para amanhã!

Se estamos bem é bem mais fácil que a nossa família caminhe bem!

Sexta-feita, cabelo lavado e unhas feitas! Simples assim… Simplesmente profundo! E agora eu vou ficando por aqui… Tenho que dormir. Minha filha está doente, (isso mesmo, uma doente ativa… hehe)… Como falei, preciso estar bem para cuidar bem dela!

Obrigada por “ouvirem” esse desabafo de uma mãe de todo dia… E talvez seja por isso que eu fale muito dos detalhes e pouco de coisas maiores. É que esse é o meu dia-a-dia. E ele é simples assim…

Poderíamos falar de coisas maiores? Poderíamos…

 

Uns falam dos detalhes da rosa… Outros, do perigo dos espinhos…. E assim, mesmo sem saber, formamos uma equipe!

Um beijo… fiquem com Deus!

Nanda Fernandes

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2018 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account