Trem bala materno

Não é sobre ter todas as noites da vida pra si
É sobre saber que em algum dia poderá dormir
É sobre deitar e não escutar o bebê chorando em alta voz
É sobre abraçar o marido sem ter uma criança no meio de nós

É saber se sentir infinita
Penteada e de unha bonita, é saber maquiar
Então colocar uma roupa descente
E as calças largas e o pijama velho conseguir tirar

Não é sobre discursar
Com os filhos e perceber que não convenceu
É sobre repetir mil vezes e ele dizer que ainda não entendeu
É sobre o marido
Que chega, fala uma vez e faz correções
E resolve em um segundo todas as situações

A mãe faz sempre de tudo

Por que tanta birra e choro assim?

Vai levanta do chão!
Que já todo mundo parado e olhando pra mim.

Não é sobre um longo banho poder tomar
E sim sobre lavar a cabeça, passar creme e poder enxaguar
Também não é sobre
Reclamar de tudo que o filho faz

Mas é sobre poder ler, escrever, respirar sem o filho atrás

Ser mãe é bom e eu adoro

Isso é só uma brincadeira que eu fiz aqui

Deus me deu esse “trem bala materno”

Agradeço divino presente, que me faz sorrir!

Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá
Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá

Analéia

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

©2021 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account

17 − sete =