Olá amores… Hoje o texto é para as gravidinhas, de primeira viagem, ou recém mães, mães mais recentes que eu no caso, sendo que sou uma mãe mega recente. Quero dividir com vocês algumas coisas que gostaria de ter ouvido na gestação, ou quem sabe eu ouvi, e não dei bola, é tudo tão novo, é tanta ansiedade, são tantas inseguranças, e tantas informações sendo despejadas em cima de nós, por todos os lados, que algumas coisas, muito importantes passam batido, enquanto muitas coisas sem necessidade acabam tendo mais importância do que deveria. A verdade é que surtamos, começamos a consumir todo e qualquer conteúdo que aparece, e temos aquilo por definitivo, e necessário. É uma chuva de pitacos, de gente te dizendo o que fazer, e tu ali, em um verdadeiro misto de amor, medo, e ansiedade, e totalmente perdida.

 

Em primeiro lugar, não estou dizendo para não ler nada da internet, existem muitos conteúdos bons e úteis, e é sempre importante se familiarizar com o assunto, lendo eu tive várias informações que me ajudaram muito. Nem que não se deva dar ouvidos ao que nossas mães, sogras, ou qualquer outra pessoa querida e de boa vontade queira nos ensinar. O que quero dizer, é que nem tudo funciona como uma receita de bolo, e que o que funcionou para aquela atriz, para a blogueira, sua irmã, ou a prima da vizinha, talvez na sua casa não seja bem assim. Escute, seja seletiva, tente, mas se não funcionar, ou não te agradar mesmo, não surte, tente outra coisa, as vezes fazemos coisas por instinto, e que funcionam muito mais do que técnicas certificadas, que na hora do aperto, é impossível executar. Cada bebê é único, cada mãe é única, cada família tem sua rotina, e seu jeito de lidar com as situações. Temos crenças e maneiras de levar a vida muito particulares, alguns de nós somos mais relaxados, outros levam certas coisas mais a sério, e ninguém está errado, o estilo de vida de cada família é único, e o importante, e imprescindível para o sucesso, é incorporar o novo membro nesse sistema, e não tentar se reinventar, que não vamos conseguir manter por muito tempo, e vai dar ruim, é uma fase muito tensa por si só, não tente criar novos sistemas, isso só vai gerar mais frustações.

 

Agora vou comprar uma briga grande, enorme, mas acho muito importante. Não saia por ai comprando essa infinidade de cursos on-line e e-books, custam caro, talvez não sejam necessários, e alguns é só para tirar grana mesmo. Durante a gestação me inscrevi em um curso ‘gratuito’ sobre amamentação, eu tinha muita insegurança sobre isso, e vou escrever um texto inteiro sobre o assunto. Voltando ao curso, ‘gratuito’, porque era uma amostra, para me fazer acreditar que eu precisava muito comprar um curso que custava, na promoção, R$ 980,00 , e eu cheguei a cogitar, eles te fazem acreditar que sem aquele conteúdo, tu não vais conseguir, mas não te dão garantia alguma de que tu vais conseguir aplicar isso na tua vida. Enfim, eu não comprei, e me torturei, pensando se será que eu ira conseguir amamentar minha filha sem aquele curso. Minha filha nasceu, está com três meses de aleitamento materno exclusivo, e eu não fiz curso algum!

 

O primeiro mês do bebê é punk, ou hard mesmo, não vou enganar ninguém, o nosso maior sonho nessa fase é dormir uma noite inteira, e chegamos a pensar que isso nunca mais na vida vai acontecer. O bebê chora, e tu não sabes o que fazer! Então vem mais uma enxurrada de cursos, e produtos que fazem tu teres certeza de que precisa, são depoimentos, muito parecidos com o que estamos passando, que fazem com que a gente se identifique mesmo, mas que nem sabemos se são reais … Eu sei que tu estas cansada, eu sei que não estas pensando direito, sei que é tentador aquele método que te jura que teu filho vai dormir, mas eu te afirmo, tu não precisas pagar R$ 700,00 por isso. Teu bebê saiu de dentro da tua barriga, apertadinho, onde ele estava dentro do líquido, pelado, não precisava mamar para se alimentar… E é lançado nesse mundão, primeira coisa, ele tem que respirar, depois vestem ele, e então ele tem que mamar, ele não sabe mamar, e tu não sabe amamentar, mas tu é capaz, na tentativa e erro, a gente consegue. O que bebês precisam, é de amor, aconchego, paciência (que não é meu forte), e rotina, a rotina é imprescindível. Eu sei que ouvir o choro é desesperador, que tu o que tu queres é fazer parar, que parece que ele está sofrendo muito, mas calma, o choro é a única maneira que ele tem de se comunicar, e aos poucos, a gente vai identificando cada choro. Resista a tentação de sair por ai comprando tudo o que as mídias te fazem acreditar que é necessário, nem sempre aquele curso, ou aquele produto vão ser uteis para ti, a indústria precisa vender, e se prevalece desse momento delicado.

 

O bebê aos poucos vai aprender a viver nesse mundo, aos poucos tu vais aprender as necessidades dele, e as coisas vão se ajeitar, acredita em mim, eu sei que pode parecer que não, sei que deve estar difícil, tu deves estar com sono, e que um mês pode parecer anos, mas vai passar, e te garanto, muito mais rápido do que tu imaginas, e aquelas noites mal dormidas, que foram ontem praticamente, vão ser apenas mais uma recordação. Tem dias que vamos parecer loucas, que vamos estar sem paciência, que vamos responder torto para as pessoas, mas passa, vai passar. O primeiro trimestre é uma prova de fogo, mas não deixa de ser lindo, tu vais sobreviver, tu és incrível, acredita… Esse texto eu escrevi para mim mesma, para a recém mãe de três meses atrás, tenho certeza de que me falaram isso, mas eu estava tão cansada que não registrei nada. Espero que tu mãezinha, receba esse texto como um abraço, ou uma boia! Apenas acredite, tudo passa, e tu vais conseguir.

 

Bom pessoal, espero que esse texto ajude as futuras e recém mamães… Até a próxima, vou abordar sobre a importância do papai, beijos!

 

1 Comentário
  1. Camila Freitas 3 semanas atrás

    Quueee lindo Dani, adorei ler!

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

FALE CONOSCO

Nos envie seu um e-mail e nós retornaremos para você, o mais rápido possível.

Enviando

©2019 BLOG DE TODAS desenvolvido com muito amor.

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account

Pular para a barra de ferramentas